Casas ficaram destelhadas no loteamento popular, do Caí /Divulgação/FN

O vento forte nas madrugadas de ontem e hoje, domingo e segunda-feira, dias 23 e 24 de setembro, causou alguns prejuízos e transtornos pela região. Em alguns locais houve falta de energia elétrica devido a queda de postes e fios. Foi o que ocorreu em Bom Princípio, no bairro Bela Vista, onde caiu um poste com transformador na madrugada de domingo. Com o vendaval da madrugada de hoje, por volta de 3h45, mais pontos ficaram sem energia na região. Em Montenegro grande parte da cidade ficou sem luz desde a madrugada. O mesmo ocorreu em outras localidades. A chuva também está intensa e a previsão é de que vai continuar ao longo dos próximos dias, pelo menos até o final de semana. Por isso a Defesa Civil está em alerta, já monitorando o volume de chuva e o nível do rio Caí e arroios.

Em Montenegro casas também ficaram destelhadas, como no Passo da Amora /Divulgação/FN

O vendaval chegou a derrubar também árvores e galhos. Na RS 240, trecho entre Montenegro e Capela de Santana, houve queda de árvore na pista ainda na madrugada de domingo. Os bombeiros desobstruíram a rodovia. Além da chuva forte, que tem causado alagamentos em vários pontos, houve registros de queda de granizo em alguns locais. Conforme a Defesa Civil de Montenegro, ocorreu a solicitação de lona para quatro casas, que teriam ficado destelhadas na madrugada de hoje, material que foi entregue pela Guarda Municipal. No Caí, conforme a Defesa Civil, três casas ficaram destelhadas, mas sem maiores estragos no município.

Divulgação/FN

Vários modelos analisados indicam volumes muito altos de chuva no Rio Grande do Sul nestes últimos dias de setembro. Se as projeções se confirmarem, o cenário que preocupa é de cheias de rios e arroios no final do mês e no começo de outubro. A previsão é de que a primavera tenha um volume de chuva acima da média. Isso se deve ao aquecimento do Oceano Pacífico, fenômeno chamado de El Niño.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here