- Imagem ilustrativa/internet

Uma ação que envolveu policiais civis de Carlos Barbosa, Barão e Salvador do Sul, na tarde dessa quarta-feira, na cidade serrana, resultou na prisão de um dos suspeitos de envolvimento num sequestro ocorrido em Barão, em abril do ano passado. O homem, de 52 anos, que já havia sido preso em 2019 e, posteriormente, liberado, foi encontrado em sua residência.

O indivíduo, após registro da ocorrência na DP de Carlos Barbosa, foi encaminhado ao Presídio Estadual de Bento Gonçalves, onde ficará à disposição do Poder Judiciário. Outro elemento que teve prisão decretada não foi localizado e é dado como foragido. Esse teria sido o mandante da ação criminosa.

A nova prisão ocorreu por denúncias recebidas pela polícia de tentativa de coação de testemunhas. “O inquérito policial foi remetido em janeiro de 2020, no entanto, com a denúncia proposta pelo Ministério Público há a continuidade da persecução penal, não sendo tolerável a afetação do processo por pressões ou comportamento inadequado das partes, podendo inclusive redundar em prisão”, afirma o delegado Paulo Ricardo Costa.

O sequestro

O crime foi praticado em 5 de abril de 2019, em Barão. A vítima do sequestro foi um empresário do ramo metalúrgico com atuação em Carlos Barbosa e Barão. Ele foi chamado ao local para fazer o orçamento de um serviço, quando acabou sendo rendido por quatro indivíduos armados e encapuzados que o ameaçaram de morte, assim como seus familiares, caso não recebessem dinheiro pelo resgate.

O empresário foi deixado, posteriormente, numa casa desabitada em Arroio Canoas. Ele, contudo, conseguiu fugir e buscar socorro na vizinhança.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here