Fábrica clandestina de cigarros ficava na localidade de Calafate, no interior de Montenegro - Crédito: Talis Ferreira

Foi protocolado o Inquérito Policial referente à fábrica clandestina de cigarros encontrada em dezembro do ano passado na localidade de Calafate, no interior de Montenegro.

A Polícia Civil concluiu o inquérito nesta semana. De acordo com a Polícia, foram quase oito meses de oitivas e diligências, sendo as principais realizadas na região fumageira do Estado, no município de Candelária, onde foi identificada uma empresa que estaria fornecendo o fumo e onde foram apreendidas duas armas de fogo. Restaram indiciados sete pessoas, entre elas dois estrangeiros de origem paraguaia, identificados no momento da apreensão.

Os crimes tipificados foram Associação Criminosa, Falsificação de papéis públicos e crimes contra ordem tributária e sonegação fiscal. O procedimento restou concluído com mais de mil páginas. Diligências complementares ainda foram representadas ao Poder Judiciário.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here