Protocolo entre Susepe e empresa já foi assinado - Crédito: Susepe

Nesta terça-feira, dia 28, apenados da Penitenciária Modulada Estadual de Montenegro (PMEM) Jair Fiorin, na localidade de Pesqueiro, iniciaram treinamento para confeccionar bolas. A iniciativa ocorre por meio do Protocolo de Ação Conjunta (PAC) assinado pela Seapen e pela Susepe com a empresa J. P. Gresin. O PAC prevê a utilização de mão de obra prisional, com participação de 50 presos, os quais terão remição da pena na proporção de redução de um dia a cada três trabalhados. A carga horária é de oito horas diárias, totalizando 40 horas semanais.

Oito apenados estiveram presentes no treinamento de hoje, que foi ministrado pelo representante da empresa, Jorge Gresin. Todos os participantes respeitaram as regras de distanciamento e utilizaram os equipamentos de proteção individual. Com o objetivo de evitar aglomerações, a atividade teve início no Módulo de Vivência I, localizado na galeria B da Penitenciária.

O Diretor da Penitenciária, Edson Neves, salienta a importância do trabalho prisional, afirmando que este é fundamental para a manutenção da disciplina e o distensionamento do ambiente, além de promover a preparação para, no futuro, recolocar as pessoas privadas de liberdade no convívio com a sociedade, sendo um dos principais pilares do Tratamento Penal.

O evento, que deu início às atividades de trabalho, foi prestigiado pelo superintendente substituto da Susepe, Everson Munhoz, pelo diretor-adjunto da Penitenciária Modulada de Montenegro, Alcir Bragagnolo, e pelo chefe de Segurança, Anderson Barbosa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here