Policiais se passaram como dono do veículo roubado e prenderam a acusada - Crédito: Polícia Civil

De dentro da Penitenciária Estadual de Montenegro, na localidade do Pesqueiro, um preso estaria dando ordens para a companheira, que foi flagrada tentando extorquir dinheiro de uma vítima de roubo de veículo.

Ângela dos Santos Antunes, de 22 anos, já tinha antecedentes por latrocínio (matar para roubar). Na manhã deste sábado, dia 3, ela teria exigido 3 mil reais, através de contato por whatsApp, para devolver uma caminhonete roubada. Se passando pelo dono do veículo roubado, policiais combinaram o local de entrega do dinheiro, em São Leopoldo. No local combinado a acusada foi presa em flagrante. Já o companheiro, preso na Penitenciária de Montenegro, foi identificado como Antônio Ademar dos Passos Júnior e tem vários antecedentes criminais, como roubo de veículos, tráfico de drogas, receptação, entre outros, todos ocorridos em Novo Hamburgo.

A Polícia ainda investiga se o casal tem ligação com o roubo do veículo e com outros casos de extorsões.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here