Prisões ocorreram no bairro Senai hoje pela manhã - Crédito: Polícia Civil

Em operação conjunta da Polícia Civil e Brigada Militar, no início da manhã desta quarta-feira, dia 19, foram presos dois acusados do homicídio ocorrido no bairro Aeroclube, em Montenegro, no dia primeiro de junho deste ano. Durante a operação, um terceiro indivíduo foi preso por tráfico de drogas. Os presos são W.T.S.S, de 22 anos, L.A.A.M, de 33 anos, e R.A.S, de 23 anos.

Durante a operação foram apreendidas drogas, dinheiro, réplica de revólver, celulares e anotações
– Crédito: Guilherme Baptista/FN

Um total de 25 policiais da região – civis e militares, participaram da operação, que teve mandados de busca e apreensão, além de prisões, na Vila Esperança e Rua dos Imigrantes da Vila Trilhos, no bairro Senai. Conforme o chefe de investigação, Alisson Castilhos, após investigações que duraram duas semanas, foram identificados os dois autores do homicídio, que foram presos hoje. A Polícia também está atrás do suposto mandante do crime, o qual teria sido motivado pelo tráfico de drogas. Foi ainda identificado um local que funcionaria como ponto de venda de drogas, onde foram apreendidos maconha, crack, cocaína, réplica de revólver, balanças de precisão, celulares, dinheiro, notebooks, comprovantes de depósitos em contas de familiares de presos e anotações.

O homicídio

Leandro de Melo Mateus, conhecido como Nego, de 30 anos, que trabalhava no caminhão da coleta de lixo, foi morto com vários tiros, na Rua Benjamin Alves Barreto, no bairro Aeroclube. Ele foi conduzido por populares para o Hospital Unimed, mas não resistiu e veio a falecer.

Conforme apurou a Polícia, dois indivíduos teriam se aproximado da vítima, que estava na frente de sua casa e foi alvejado por vários disparos. De acordo com a Polícia, a vítima possuía passagens por envolvimento com drogas e outros crimes.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here