Moto de Hector foi atingida por automóvel Polo na RS 124, em Pesqueiro - Reprodução/FN

A Polícia Civil está investigando o gravíssimo acidente ocorrido na noite de ontem, sábado, dia 19, na ERS 124, que resultou em uma morte e deixou mais duas pessoas feridas. Além disso, foi confirmada a prisão por embriaguez ao volante do motorista do carro envolvido na colisão com uma das motos, o qual vai responder a processo por homicídio de trânsito.

Acidente ocorreu na noite de sábado, por volta de 23h20, próximo da entrada do Pesqueiro
– Crédito: Guinchos Montenegro

O automóvel Polo tem placas de Montenegro, mas o motorista, de 27 anos, seria morador de Novo Hamburgo e sofreu lesões leves. Segundo registro na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), o bafômetro apontou 0,48 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões e 0,51 mg/l no segundo teste. Conforme o delegado Marcos Eduardo Pepe, que estava de plantão na DPPA, não foi arbitrada fiança e o motorista foi recolhido direto ao sistema carcerário.

O acidente, na altura do quilômetro 38 da RS 124, perto da entrada da localidade de Pesqueiro, perto do acesso para a Penitenciária, em Montenegro, ocorreu por volta de 23h20min. Todos os veículos seguiam no sentido Montenegro/Triunfo. Conforme informações, no local houve inicialmente a colisão entre o automóvel Polo e uma moto BMW, com placa de Porto Alegre. Após o impacto, os dois veículos teriam saído da pista e se chocado ainda contra uma árvore, onde ocorreu o incêndio.

Após colisão, carro e moto foram projetados contra árvore e pegaram fogo
– Crédito: Guinchos Montenegro

Em seguida uma segunda moto, uma Honda CB 300, emplacada em Porto Alegre, com um casal, também se envolveu no acidente, atropelando o motociclista que estaria na pista. A caroneira da moto Honda, de 26 anos, sofreu lesões leves e já teve alta do hospital, enquanto o condutor não teve ferimentos. O condutor da moto BMW, de 59 anos, natural da Argentina, mas residente em Porto Alegre, faleceu no local.

Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Bombeiros, Samu e Polícia Civil atenderam a ocorrência. Foi chamada a perícia e o corpo encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML). A identificação oficial da vítima fatal, conforme o delegado, deve ocorrer através de exame de papiloscopia (impressões papilares).

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here