Fábio tinha 23 anos e era muito estimado - Reprodução/FN

O grave acidente na tarde de ontem, sábado, dia 9, na RS 124, em Pareci Novo, que resultou na morte de Fábio Henrique da Silva Coitinho, de 23 anos, morador de Montenegro, está causando grande consternação. Fábio era muito conhecido e estimado. Nas redes sociais são muitas as manifestações de pesar aos familiares e homenagens ao rapaz que trabalhava na empresa Comauto e era estudante de Direito da UCS no Caí.

Morador do bairro São João, ele deixa os pais Fábio e Adriana, além de irmãos, demais familiares, colegas e um incontável número de amigos. O velório deve iniciar na tarde deste domingo na capela São João, da Funerária Vargas. O horário do início do velório, assim como do sepultamento, dependem do retorno de Porto Alegre, onde foi encaminhado para necropsia do instituto Médico Legal (IML).

Nas redes sociais, muitos lembram do rapaz, que também era conhecido pelos apelidos de Titinho e Titica. Os pais estavam em Santa Catarina e tiveram que retornar as pressas. Os familiares estão muito consternados, recebendo a solidariedade neste momento de grande sofrimento.

Moto de Fábio foi atingido por uma caminhonete ontem na RS 124, próximo ao pórtico de Pareci Novo
– Crédito: Talis Ferreira

Amigos contam que Fábio tinha comprado a moto semana passada e ontem saiu com o veículo. Quando retornava teria sofrido o acidente por volta de 17h30 de sábado, na altura do quilômetro 12 da ERS 124, em frente ao acesso para o parreiral e próximo do pórtico para a cidade de Pareci Novo. Ele foi atingido por uma caminhonete  Hyundai ix35, com placas de Teutônia.

 

 

Moto ficou destruída e Fábio morreu no local
– Crédito: Talis Ferreira

Após a colisão, a moto e a caminhonete caíram no barranco. A moto ficou destruída e Fábio não resistiu, vindo a falecer no local. Já o motorista da caminhonete teve uma lesão na cabeça, altura da testa, sendo retirado do veículo pelos bombeiros de Montenegro e socorrido pelo Samu para o Hospital Montenegro.

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário