Dona Celina Nogueira tinha 92 anos Reprodução/FN

Faleceu na noite passada a idosa que ficou gravemente ferida num incêndio na casa onde morava na localidade de Faxinal, em Montenegro. Dona Celina Nogueira, de 92 anos, não resistiu aos graves ferimentos. Ela estava internada no Hospital de Pronto Socorro (HPS) de Porto Alegre. Ainda não existe previsão quanto aos atos fúnebres, já que o início do velório e realização do sepultamento dependem da liberação do corpo por parte do Instituto Médico Legal (DML). Dona Celina era bastante conhecida e estimada. A sua morte causou grande consternação.

Incêndio ocorreu sábado numa residência em Faxinal
Guilherme Baptista/FN

O incêndio ocorreu na noite de sábado, dia 25, por volta de 20h30, na residência de alvenaria situada na margem da Estrada Papa João XXIII. A suspeita é de que o incêndio tenha iniciado quando era acesa a lareira. Por isso o fogo atingiu principalmente a sala e a cozinha, que ficam integradas e onde os móveis e utensílios foram destruídos pelas chamas. Dona Celina teve mais dificuldades devido aos problemas de locomoção. Ela foi retirada por um vizinho quando as chamas já tomavam conta da casa, se espalhando por tapete e cortinas.

A Polícia Civil deve investigar as causas e as circunstâncias do sinistro. Os bombeiros apagaram as chamas e fizeram o rescaldo. A fuligem também se espalhou pelo restante da moradia. Vizinhos auxiliaram no socorro aos moradores. O Samu atendeu a idosa, que foi removida para a capital. Além dela, a filha Marta, de 58 anos, e o genro Valdir Kirst, 61 anos, também estavam na residência. Eles também sofreram queimaduras, mas sem gravidade, tendo alta do Hospital Montenegro na manhã de domingo. Mas assim como os demais parentes, estão muito abalados com a perda de dona Celina.

Deixe seu comentário