Mulher informou que foi presa por engano e logo foi libertada - Crédito: Polícia Civil

Foi noticiado, através de informação da Polícia Civil, que uma mulher que tinha em seu desfavor um mandado de prisão por sentença condenatório pela Comarca de Montenegro, tinha sido presa na última segunda-feira, dia 26, em Caxias do Sul. Ela tinha sido condenada por tentativa de homicídio.

Em contato com a reportagem, a montenegrina, de 36 anos, que reside faz dois anos em Caxias do Sul, esclareceu que não se encontrava foragida. Confirmou que em 2013, perto da estação rodoviária de Montenegro, se envolveu numa briga com outra mulher, a qual foi atingida por várias facadas. Após ser detida, a acusada ganhou o direito de responder ao processo em liberdade. Em 2015 foi condenada por tentativa de homicídio e lembra que chegou a ficar presa por um mês. Depois passou para a prisão domiciliar e atualmente está no regime semiaberto. “Estou sempre à disposição da Justiça”, ressalta.

Por não ter comparecido para assinar no Fórum de Caxias dentro do prazo determinado, chegou a constar como procurada, mas explica que logo se apresentou na Justiça e explicou que tinha ido visitar familiares em Montenegro. Logo foi liberada. A montenegrina esclarece que teria ocorrido um equívoco, não tendo sido dada a baixa no sistema da Polícia. Quando foi verificado o engano, diz que foi liberada no mesmo dia. E em seu facebook aproveitou para agradecer a todos que de uma forma ou de outra contribuíram para a sua liberdade e para que tudo fosse esclarecido.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here