Foi o segundo homicídio em Montenegro neste ano - Imagem ilustrativa/internet

Na manhã desta sexta-feira, dia 22, por volta de 9h30, um morador da Estrada Júlio de Castilhos, no bairro Arroio Feliz, próximo ao Posto Buffon, em Feliz, estava mexendo na vegetação ao redor de sua residência, com a finalidade de recolher terra para colocar em vasos de plantas. Ao remexer em restos de madeira, sob uma árvore, o morador se surpreendeu ao encontrar o crânio de uma ossada humana. Inicialmente achou que fosse de gesso, mas logo percebeu que junto havia mais ossos humanos.

O morador não sabe como a ossada foi parar no local onde reside faz cerca de 7 a 8 anos e nunca ouviu falar de algum desaparecido, vítima de algum crime. Foi avisada a Polícia Civil, que acionou o Departamento de Criminalística para a realização de perícia. A ossada foi encaminhada para o Instituto Médico Legal (IML) de Caxias do Sul para a necropsia que tentará apontar a causa da morte e a identificação.

A Polícia pede que, caso alguém tenha alguma informação de pessoa desaparecida, que entre em contato. A suspeita é de que seja uma pessoa de mais idade, já que foi constatada a existência de duas próteses dentárias móveis. Não está descartado que seja de algum cemitério próximo, levado pela enchente. A Polícia investiga várias hipóteses. Qualquer informação pode ser passada para o telefone 3637 1146.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here