Radar tem registrado veículos trafegando bem acima do limite de 80 Km/h - PRE/Reprodução

Durante o feriadão de carnaval a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) está intensificando a fiscalização nas rodovias. A preocupação agora é com a volta do feriadão, quando o movimento será intenso.

Motos também tem sido flagradas em excesso de velocidade
– PRE/Reproduçao

Os policiais rodoviários estão utilizando radares para monitorar a velocidade dos veículos e coibir os excessos. Na RS 122, entre São Sebastião do Caí e Bom Princípio, principalmente na chamada reta da Bela Vista, a média de multas é de quinhentas por dia, em razão do excesso de velocidade registrado pelo radar. Conforme a Polícia Rodoviária Estadual de Bom Princípio, a média de velocidade dos motoristas é de 110 KM/h, mas o limite no trecho é de 80 KM/h. De acordo com um policial rodoviário, um veículo foi flagrado trafegando a 153 KM/h. Ele lembra que passando 50% acima do limite de velocidade no local, ou seja, mais de 120 KM/h, sendo considerada infração gravíssima, o motorista, além da multa com valor triplicado, chegando a 880 reais, o motorista fica automaticamente com a carteira de habilitação suspensa. Já no caso da velocidade ser até 20% acima do limite a multa é de 130 reais e 4 pontos na CNH. E no caso de ser entre 20% e 50% superior ao limite da via, a multa é de 195 reais, mais a perda de 5 pontos na habilitação.

Caminhões também têm sido multados
– PRE/Reprodução

No caso da RS 122, as operações com radar foram realizadas em trechos com velocidade limite de 80 Km/h. Foram multados motoristas flagrados acima de 87 Km/h, já que conforme determina a lei ainda é dada uma tolerância de 7 Km/h. Conforme os policiais rodoviários, chama a atenção que, além dos automóveis, muitos caminhões e motos também têm trafegado acima do limite de velocidade.

A fiscalização está ocorrendo tanto durante o dia, como também de noite. Além do excesso de velocidade, outras infrações são por ultrapassagens em locais proibidos, uso de celular enquanto dirige, faróis desligados, embriaguez ao volante, não usar o cinto de segurança e documentação irregular. E mesmo com a fiscalização reforçada, as infrações continuam e lamentavelmente também têm ocorrido muitos acidentes de trânsito.

1 COMENTÁRIO

  1. Deveriam se preocupar em consertar as estradas, pq a qualidade do asfalto é medíocre, e subir o limite de velocidade para 100/110 km/h, como é na freeway por exemplo, isso reduziria o numero de infrações. Governo da Áustria, por exemplo, que possuem números BEM INFERIORES de acidentes de trânsito dos que os brasileiros, recentemente aumentaram os limites de velocidades para 140, pois chegaram a conclusão que aumento de velocidade significa menos acidentes nas estradas. Se a estrada presta e os veículos são seguros, que há de errado nisso? Existem diferentes faixas, a da esquerda para quem anda rápido e a da direita para quem anda lento. Se o objetivo fosse O BEM DO CIDADÃO, a logica conduziria a esta atitude. Como o objetivo É A MULTA E A ARRECADAÇÃO, somos obrigados a andar em estradas péssimas e ainda levar multa por dirigir à míseros 100 km/h.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here