- Imagem ilustrativa

Dois casos inusitados foram vividos pela Brigada Militar de Montenegro nesta semana.

Na segunda-feira, dia 15, por volta de 16h, uma mulher ligou para o telefone 190 da Brigada Militar avisando que tinha encontrada uma arma em casa, no local onde seu filho guarda as roupas. Informou ainda que ele estaria esperando o ônibus na rodoviária. Uma guarnição foi até o local, onde localizou o acusado e o levou até em casa, na localidade de Costa da Serra, onde a mãe entregou uma garrucha artesanal aos policiais. O acusado alegou que tinha ganho a arma e que não tinha munição.

No dia seguinte, terça-feira, a Brigada Militar foi acionada por uma escola e uma mãe do bairro Estação. A Patrulha Escolar foi acionada por uma mãe que informou ter encontrado na mochila de seu filho dois cigarros de maconha. Chorando, a mãe pediu providências, preocupada com o filho de 14 anos que estaria envolvido com as drogas. Foi feito um registro na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de entorpecente posse.

Foragida se entrega

Uma mulher de 20 anos ligou para a Brigada Militar, na noite da última quarta-feira, avisando que estava foragida e que queria se entregar. A Brigada Militar foi até o local, num mercado da margem da BR 470, na localidade de Faxinal. Na DPPA foi constatada a existência de dois mandados de prisão contra a foragida, com acusações por roubo e extorsão. Ela alegou que se entregou por se sentir ameaçada de morte por uma organização criminosa em razão de dívida do tráfico de drogas. Após, foi recolhida ao sistema penitenciário.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here