Felipe da Silva tinha 19 anos e era o motorista do Chevette que colidiu com caminhão - Facebook/Reprodução

Foram divulgados os nomes dos dois rapazes que morreram em acidente no início da manhã de hoje, sábado, dia 8, por volta de 7h10, na BR 470, altura do quilômetro 281, em São José do Sul, perto da divisa com Montenegro. Os dois jovens, que estavam num automóvel Chevette, que colidiu com um caminhão Ford Cargo de uma empresa de São Pedro da Serra, eram moradores de Montenegro.

Chevette com os três rapazes ficou destruído. Dois morreram e um está em estado grave
– Crédito: Cleo Meurer/FN

O motorista era Felipe de Vargas da Silva, de 19 anos. E o passageiro era Sérgio de Lima Franco dos Santos, de 17 anos. Outro passageiro do Chevette foi encaminhado pelo Samu ao Hospital Montenegro. Adair Vianna Filho, de 21 anos, está internado em estado grave.

Bombeiros de Montenegro, Brigada Militar, Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal estiveram no local. Conforme a PRF, o motorista não tinha carteira de habilitação.

 

A colisão ocorreu numa curva perigosa, em São José do Maratá, onde já ocorreram vários acidentes.

Caminhão é de São Pedro da Serra
– Crédito: Cleo Meurer/FN

O condutor do caminhão não se feriu. Ele tem 36 anos e alegou que não foi possível evitar o choque porque o Chevette teria invadido a sua pista. O carro trafegava no sentido Montenegro/Salvador do Sul e o caminhão na direção oposta.

As duas vítimas seriam vizinhos na Rua Chapecó, do bairro Santa Rita. Várias já são as homenagens postagens no facebook, com pesar e homenagens. A morte dos dois rapazes está causando grande comoção.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here