Cesar Augusto Martins Moura foi sepultado hoje no cemitério de Montenegro - Facebook/Reprodução

Dois indivíduos, que são irmãos, seriam suspeitos da morte de Cesar Augusto Martins Moura, o “Cesinha”, de 27 anos. A Polícia Civil, através de investigações, chegou aos nomes dos suspeitos. Suas identidades não foram divulgadas. Segundo a Polícia, um advogado entrou em contato com a Delegacia e informou que amanhã, terça-feira, os dois irmãos deverão se apresentar e prestar depoimento.

Ainda não se sabe o motivo do crime. A suspeita é de que já havia uma rixa entre os envolvidos, com desentendimentos anteriores. Mas isso só deve ser confirmado nas investigações. A briga teria iniciado durante a madrugada de domingo, dia 4, numa festa na Associação Comunitária da Vila Esperança, no bairro Senai. Cesar teria tentado fugir, mas foi perseguido e alcançado na Rua dos Imigrantes, onde levou diversas facadas. Os acusados fugiram. Dois homens, que passavam de carro pelo local por volta de 5h, avistaram a vítima, a qual estava agonizando. “Cesinha” foi encaminhado ao Hospital Unimed, mas não resistiu e veio a falecer.

Cesar Augusto Martins Moura foi sepultado no início da tarde de hoje, segunda-feira, no cemitério de Montenegro. Segundo familiares, trabalhava como serviços gerais e deixou um casal de filhos pequenos – menino com 4 anos e bebê de 9 meses.

Deixe seu comentário