Sidnei dos Santos cortou o próprio pescoço - Reprodução/FN

Acusado de matar a ex-esposa a golpes de facão em Tupandi, Sidnei Francisco dos Santos, 42 anos, deixou o Hospital Montenegro na última quinta-feira. Ele estava internado na UTI, em estado grave, sob custódia da Polícia. Como o seu estado de saúde melhorou, foi transferido, algemado, para o Hospital Vila Nova, em Porto Alegre, onde existe uma unidade de saúde prisional. Ainda deve passar por cirurgia, pois não está conseguindo falar. Conforme a delegada Cleusa Spinato, titular da Delegacia da Mulher, ele está com prisão preventiva decretada e quando receber alta do hospital irá para o presídio.

Sidnei matou a ex-mulher Rosane a golpes da facão
– Reprodução/FN

Sidnei matou a ex-esposa Rosane Aires Oliveira, de 33 anos, na frente dos filhos, na madrugada da última segunda-feira, no bairro Vida Nova. Ela foi pega de surpresa quando saia do apartamento onde morava com os filhos, de 10 e 15 anos, na Rua São José, para se dirigir ao trabalho na Móveis Kappesberg. Os dois tinham se separado faz cerca de um mês e Sidnei não aceitava o divórcio, já tendo feito ameaças. Após matar a ex-mulher, Sidnei cortou o próprio pescoço, numa tentativa de suicídio através de degola. Ele foi encaminhado em estado grave ao hospital e conseguiu sobreviver. Já Rosane foi sepultada no município de Diamante do Sul, no Paraná, sua terra natal.

Deixe seu comentário