Acusado tinha em casa uma espingarda que foi apreendida pela Brigada - Crédito: Brigada Militar

Mais um caso de violência contra a mulher, enquadrado na Lei Maria da Penha, resultou em prisão em flagrante no início da madrugada deste domingo, dia 18, na região.

A Brigada Militar foi chamada até a localidade de Potreiro Grande, no interior de Montenegro, por volta da meia-noite e 15 minutos da madrugada de hoje. No local, uma mulher denunciou que seu companheiro, de 35 anos, estava embriagado, proferindo palavras de baixo calão e a ameaçando. Informou, inclusive, que ele teria tentado lhe agredir com um enfeite de cimento do jardim. Temendo por sua segurança, disse aos policiais militares que o companheiro possuía em seu quarto uma arma. Ela mostrou a espingarda calibre 12, sem registro, que estava em uma bolsa, com dois cartuchos deflagrados. A arma foi apreendida  e o acusado conduzido para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) onde foi lavrado o flagrante por posse irregular de arma e ameaça, sendo arbitrada fiança pela autoridade policial. O acusado foi liberado após pagar a fiança no valor de 1.500 reais, mas irá responder ao processo.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here