Professor Adriano Persch está feliz com a recuperação de seu instrumento - Facebook/Reprodução

Na noite de ontem, segunda-feira, dia 6, ocorreu um furto em residência em Bom Princípio. O professor de música Adriano Persch, fundador e integrante do Quinteto Persch, grupo renomado de acordeonistas, teve sua casa invadida por ladrões. Ele estava dando aula na Fundarte, em Montenegro, onde é professor de acordeon faz quase 20 anos. E após um dia intenso de trabalho, ao chegar em casa, no bairro Santa Teresinha, em Bom Princípio, constatou que tinham arrombado a sua moradia, sendo retirada a fechadura de uma porta.

Um Fiat Uno também foi furtado da residência, em Santa Teresinha
– Facebook/Reprodução

Além de um automóvel Fiat Uno ano 2008, dois televisores, o mais lamentável foi o furto de seu acordeon Pigini, que é seu instrumento de trabalho e que tem um grande valor sentimental, tendo sido conquistado com muito sacrifício. Trata-se de um acordeon Pigini modelo 58P, com 47 teclas e sistema converter de baixos livres. É um instrumento raro e não existem muitos iguais no Estado. Já o Fiat Uno é de cor cinza e placas IOL 0561.

A Brigada Militar foi informada por volta de 22h45min e realizou buscas, mas os pertences e acusados não foram localizados. Não se sabe ao certo o horário que ocorreu o arrombamento, já que Adriano saiu de casa ainda pela manhã. Qualquer informação sobre o paradeiro do acordeon, mesmo de maneira anônima, pode ser passada para o 190 da Brigada Militar ou para a Polícia Civil.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here