Até helicóptero está sendo usado nas buscas no Balneário Paraíso e praias próximas de Santa Catarina - Crédito: Corpo de Bombeiros

A irmã do adolescente de 15 anos, morador da Feliz, que se afogou no final da tarde da última quinta-feira, em Jaguaruna, entrou em contato com a imprensa catarinense da região onde Natan Abdiel Oliveira dos Santos desapareceu no mar n Balneário Paraíso. Ela pediu ajuda, já que a família está desesperada. “Olá, me chamo Grazielle, meu irmão de 15 anos se afogou no Balneário Paraíso, em Jaguaruna. Gostaria que vocês divulgassem a foto dele na região, pois está desaparecido. Se for possível favor entrem em contato. Somos de Feliz, no Rio Grande do Sul, e estávamos apenas conhecendo o lugar”, encaminhou Grazielle para a redação do HC Notícias. “O nome dele é Natan Abdiel Dos Santos. Sabemos que cada minuto que passa diminuem as chances dele. Estamos todos na beira do mar.. olhando o nada.. esperando um milagre..”, informou.

Buscas também são feitas em praias próximas
– Crédito: Corpo de Bombeiros

As buscas ocorrem desde quinta-feira, quando por volta de 18h40 ocorreu o afogamento. Os familiares agradecem a solidariedade da comunidade. “Agradeço as palavras de apoio de todos que nos procuraram, seja a meu pai, minha mãe ou minhas irmãs… agradecemos as orações e rezas de todos que pararam um pouquinho de suas vidas pra ajudar a nossa. Seguimos sem informações sobre o Natan Abdiel Oliveira Dos Santos, e as buscas de ontem – sexta-feira, foram pausadas ate amanhã cedo – hoje. Obrigado novamente…”, escreveu o irmão Jonatas Gabriel dos Santos em sua página no facebook.
Também são uilizados quadriciclos para percorrer praias próximas. O mar ainda está muito revolto e agitado, o que dificulta as buscas no mar.

Natan dos Santos
Morador da Feliz, Natan Abdiel Oliveira dos Santos, de 15 anos, desapareceu no Balneário Paraíso, na Praia de Jaguaruna, em Santa Catarina, no final da tarde da última quinta-feira. As buscas, por parte dos bombeiros, iniciaram logo após a notícia do afogamento, por volta de 18h40, com o uso de Jet ski e bote. Foram interrompidas ao anoitecer e retomadas na sexta-feira. E vão continuar hoje, sábado. Bombeiros militares e mergulhadores, em botes, jet ski e até helicóptero trabalham nas buscas.

Família divulgou foto de Natan, de 15 anos, com a esperança de que ele seja encontrado
– Reprodução/FN

Natan era estudante do Colégio Estadual Professor Jacob Milton Bennemann e atualmente estava estudando no campus da Feliz do Instituto Federal (IFRS). Bastante conhecido e estimado, são muitas as mensagens nas redes sociais, com apoio aos familiares.
O jovem estaria passando férias com a família no litoral catarinense. Quando estaria no mar com o pai José Roberto dos Santos e outro garoto amigo da família, os três foram arrastados pela correnteza. Outros banhistas, que estavam mais próximos, conseguiram socorrer dois dos que estavam se afogando, mas o adolescente felizense submergiu na água e não retornou para a superfície. No local não existe cobertura de guarda-vidas. Foram chamados os guarda-vidas da praia mais próxima, de Balneário Figueirinha. Eles ainda conseguiram, junto com os banhistas, resgatar José Roberto e o outro adolescente, mas Natan não foi mais localizado. Os dois resgatados foram atendidos na beira da praia e José Roberto precisou ser levado ao Hospital de Caridade de Jaguaruna. Ele está bem. As buscas agora são para encontrar Natan o quanto antes.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here