Julio Cesar Barbosa da Silva foi detido três vezes em três dias por furtos - Crédito: Brigada Militar

Neste domingo, dia 20, ocorreu mais um furto envolvendo o indivíduo Julio Cesar Barbosa da Silva, de 21 anos. É o mesmo que na última quinta-feira tentou furtar o carro de um médico perto do Hospital Montenegro e que chegou a colocar as roupas do doutor que estavam dentro do carro. E que se envolveu em outros furtos neste final de semana. Conforme a Brigada Militar, teria se envolvido em três furtos de veículos em três dias. Natural de Iraí, segundo a Polícia o acusado estaria com problemas mentais e dependência química de drogas. Por isso o tipo de comportamento, onde necessitaria de encaminhamento para internação e tratamento. Mas acabou sendo liberado novamente e pode se envolver em outras ocorrências.

Na manhã deste domingo a Brigada Militar foi informada de que um morador do bairro Rui Barbosa ouviu um barulho estranho e ao verificar flagrou um indivíduo, sem camisa, dentro de sua Van, no pátio da residência. Na tentativa de fugir com o veículo, acabou colidindo em outra Van do mesmo morador. E teria saído com o veículo em direção ao centro. Ele foi localizado na Rua Ramiro Barcelos com Hugo Wolgemuth, perto da estação rodoviária. Em seguida, de acordo com os PMs, desceu do veículo e tentou fugir, mas acabou sendo detido e novamente conduzido a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA). Foi feito contato com a família, para ver da possibilidade de encaminhamento para internação, mas segundo a Polícia ninguém compareceu. E acabou sendo liberado.

Na quinta-feira o mesmo indivíduo tinha fugido da emergência (plantão) do Hospital Montenegro, onde tinha sido encaminhado devido a ferimentos de envolvimento numa briga. Em seguida entrou no automóvel Golf de um médico. Chegou a vestir as roupas do médico que estavam dentro do carro. Acabou sendo detido por populares até a chegada da Brigada. Após ser liberado, no sábado voltou a se envolver em outro delito. Foi detido tentando furtar o GPS de um carro. E no dia seguinte, hoje, se envolveu em nova ocorrência.

Além dos prejuízos para as vítimas dos furtos, a Brigada Militar tem que ir diversas vezes atrás do acusado e a Polícia Civil tem que registrar e investigar os casos. Enquanto isso, o indivíduo continua nas ruas e se envolvendo em novos delitos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here