- Imagem ilustrativa/internet

Os bandidos que jogaram miguelitos (pregos retorcidos), furando pneus de viaturas e de outros veículos em Montenegro, estariam em fuga de um assalto ocorrido também na noite de ontem, quarta-feira, na BR 386.

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista de um caminhão relatou, que foi abordado por volta das 20h. Ele contou que saiu do posto da PRF próximo de Canoas e em seguida foi abordado por um automóvel Toyota Corolla de cor prata, ocupado por quatro criminosos fortemente armados de fuzil e metralhadoras, os quais o renderam e o levaram para o meio de um mato. O caminhoneiro lembra que havia outro caminhão atrás, para o qual foi feito o transbordo da carga de uma grande rede de lojas. Após roubarem as mercadorias, o motorista foi levado para cerca de cinco quilômetros do local da abordagem, onde foi abandonado.

Pregos retorcidos (miguelitos), jogados por bandidos em fuga, furaram pneus de vários carros
– Crédito: Talis Ferreira

Na noite de ontem, a Brigada Militar recebeu a informação de que bandidos, também num automóvel Toyota Corolla de cor prata, que teriam assaltado um caminhão e possivelmente estariam com o motorista de refém, teriam seguido em alta velocidade na direção de Montenegro. Na RS 124, altura da localidade de Pesqueiro, os policiais militares avistaram o Corolla suspeito. Iniciou então uma perseguição, com um cerco policial. Já na RSC 287, na altura do bairro Santo Antônio, perto estação rodoviária, as guarnições fizeram um cerco. Os criminosos jogaram no asfalto vários miguelitos (pregos retorcidos) e desviaram pela via lateral. Os miguelitos acabaram furando os pneus das viaturas da Brigada. Já os supostos assaltantes fugiram em direção a Capela de Santana e não foram mais avistados.

Os miguelitos furaram também pneus de mais pelo menos cinco veículos que passavam pela RSC 287. Alguns carros chegaram a ter três pneus furados e os motoristas tiveram que parar na margem da rodovia para trocar.

Qualquer informação pode ser passada, mesmo de maneira anônima, para o telefone 190.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here