Fechadura foi danificada, mas nada foi furtado - Brigada Militar/Reprodução

A Brigada Militar de Bom Princípio prendeu na noite passada, domingo, dia 23, por volta de 19h30, um indivíduo suspeito de tentativa de arrombamento na casa paroquial, situada na Rua Irmão Weibert, entre a igreja Matriz e o Seminário São João Maria Vianney. Conforme a Brigada, a viatura passava pelo local quando avistou o indivíduo que estaria pulando o muro da igreja. Ele foi detido pelos PMs. Um outro indivíduo, que segundo os brigadianos o estaria acompanhando, conseguiu fugir. A suspeita da Brigada é que os dois teriam desistido do furto ao verem a passagem da viatura pelas proximidades.

Uma mochila com ferramentas foi apreendida
– Brigada Militar/Reprodução

Foram constatados danos na porta dos fundos da casa paroquial, junto a fechadura, mas nada foi furtado. O suspeito detido, de 34 anos, é de Bento Gonçalves e conforme a Polícia tem vários antecedentes criminais, principalmente furtos e roubos, já inclusive tendo sido preso anteriormente. Na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), em Montenegro, ele alegou que junto com um amigo teriam sido vítimas de uma tentativa de assalto. Mas não soube explicar porque os dois saíram correndo ao avistarem os policiais. O amigo, inclusive, fugiu para o mato e não foi mais localizado. Um carro, em atitude suspeita, com dois indivíduos, teria sido visto por um vigia nas proximidades. A Brigada ainda apreendeu uma mochila preta contendo no seu interior ferramentas suspeitas de serem utilizadas no arrombamento, como alicates, chaves de fenda, pé de cabra e lanterna.

O suspeito detido negou envolvimento na tentativa de furto na casa paroquial. Como nada foi encontrado com ele, acabou sendo liberado. Mas continua sendo investigado. Segundo a Brigada, recentemente ocorreram furtos nas casas paroquiais de Tupandi e de Harmonia.

Deixe seu comentário