Crime foi em novembro em Montenegro e acusado foi preso ontem - Crédito: BM

Durante patrulhamento, na tarde desta sexta-feira, 1º de fevereiro, por volta de 14h45, na rua Sítio Mariano, do bairro Santa Rita, a Brigada Militar abordou o indivíduo Lucas Rodrigues de Campos, de 33 anos. Foi constatado que o indivíduo estava foragido da Jusiça, com mandado de prisão pela acusação de homicídio ocorrido em novembro do ano passado na Vila Esperança, do bairro Senai, em Montenegro. Ele foi então encaminhado para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento – DPPA, e posteriormente para a Penitenciária.

O indivíduo preso é o principal suspeito da morte de Cesar Augusto Martins Moura, o “Cesinha”, de 27 anos, em 4 de novembro do ano passado. A vítima, que morava no bairro Panorama e trabalhava como serviços gerais, foi atingida por golpes de faca e não resistiu aos ferimentos. Ele deixou dois filhos pequenos – menino de 4 anos e uma bebê de 9 meses.

“Cezinha” estaria participando de uma festa na Associação Comunitária da Vila Esperança, na frente da escola e ao lado do ginásio, no bairro Senai. Após um desentendimento, ele teria saído correndo do local, sendo perseguido por dois indivíduos. Entrou na Rua dos Imigrantes, onde acabou sendo esfaqueado. A suspeita é de que os envolvidos já tinham uma rixa. A Polícia Civil identificou uma dupla de irmãos como envolvida no crime, sendo que um deles admitiu participação na briga.

Deixe seu comentário