Incêndio ocorreu em empresa de cavaco da Conceição - Crédito: Bombeiros do Caí

Entre a madrugada e o início da manhã de hoje, terça-feira, aconteceu um incêndio de grandes proporções numa empresa de madeira do Campestre da Conceição, no Caí. Foi a mesma empresa de cavaco PK e Trans Valmor atingida por outro incêndio em julho do ano passado. Mas agora o fogo trouxe um prejuízo ainda maior.

Os Bombeiros Voluntários Caienses foram chamados por volta de 5h. Nove bombeiros do Caí, em três caminhões, combateram as chamas ao longo da manhã. De tarde seguiram com o rescaldo. E tiveram ainda o apoio dos bombeiros de Portão.

Conforme os bombeiros. no local tinha mais de 200 toneladas do material, que devido a sua composição (restos de madeira) é de fácil combustão, propagando rapidamente as chamas. “Conseguimos combater o fogo na parte de máquinas, escritório e salvar parte do galpão. Na parte do depósito, com estocagem de cavaco, é que queimou mais, por ser de grande combustão”, explica o comandante dos bombeiros caienses, Anderson Jociel.

Devido a rápida resposta dos bombeiros foi possível evitar maiores danos no maquinário e parte da estrutura da empresa. Alguns caminhões que estavam no pátio da empresa foram retirados a tempo. Segundo informações, no local estavam armazenadas cerca de 300 cargas de pó e 200 toneladas de serragem. O prejuízo estimado é de aproximadamente 1 milhão de reais e a reconstrução do local deve durar cerca de um mês. A causa do incêndio ainda deve ser investigada.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here