No Caí a Defesa Civil está com caminhões de prontidão, caso seja necessária a remoção de famílias devido a enchente - Crédito: Defesa Civil

Segue o alerta com relação ao nível do rio Caí e dos arroios. Mesmo que na Serra tenha estabilizado e começado a baixar, ainda existe a preocupação com a previsão de mais chuva até quinta-feira. Conforme a régua do Sistema de Alerta de Eventos Críticos (CPRM) em Nova Palmira (Caxias do Sul), o rio chegou a subir quase 3 metros desde domingo, mas na madrugada de hoje estabilizou e já baixou mais de 40 centímetros, saindo da cota de alerta para de atenção.

Em Bom Princípio, conforme boletim dos Bombeiros Voluntários, ao meio-dia o rio estava em 9m50cm, sendo que o estado de alerta é a partir dos 10m40cm e de emergência quando chega aos 12 metros. Já o arroio Forromeco estava em 4m40cm.

Defesa Civil monitora o nível do rio através de réguas
– Crédito: Defesa Civil do Caí

Na régua situada na antiga barca de São Sebastião do Caí, aponta que o rio subiu de 2m74cm no domingo para 9m63cm às 16 horas de hoje. Mesmo tendo subido quase 7 metros, o ritmo já vem diminuindo. A cota de inundação do rio no Caí é quando ultrapassa os 10 metros e meio acima do normal. Pela régua utilizada pela Defesa Civil do Caí, o nível do rio estava em 9m82cm às 16 horas. E já com mobilização de caminhões e equipe do município, caso seja necessária alguma remoção de família atingida em caso de enchente.

Em Montenegro, que fica na parte mais baixa do rio, subiu de 1m44cm no domingo para 5m21cm às 16h30 de hoje, já entrando também na cota de alerta, mas a inundação só ocorre a partir dos 7 metros.

A previsão é de que se houver enchente, será de pequeno porte, talvez nem sendo necessária a remoção de famílias. Mesmo assim os municípios já estão em alerta.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here