Foram emitidas notificações com prazo de 15 dias para tapar os buracos, com aplicação de multa caso não providenciem os reparos - Crédito: Prefeitura

A Prefeitura de São Sebastião do Caí mais uma vez está notificando a Corsan e o Daer em razão dos buracos.

No caso da Corsan, a solicitação é para o fechamento dos buracos abertos para consertos de vazamentos, em diversas ruas da cidade. Já o Daer é novamente por causa dos buracos na primeira das três pontes estreitas do Matiel, na RS 124,no sentido Caí/Pareci, junto a divisa com Pareci Novo e Harmonia.

Buracos da Corsan

Buracos foram abertos pela Corsan em diversos pontos da cidade para o conserto de vazamentos
– Crédito: Prefeitura

Na última sexta-feira, dia 11, a Administração Municipal enviou notificação oficial para Corsan solicitando o fechamento dos buracos abertos e que ainda não foram pavimentados após os consertos. Foi estabelecido o prazo de 15 dias para que sejam providenciados os devidos reparos, informando ainda que o não cumprimento acarretará na lavratura de multa. A fiscalização, inclusive, notificou no dia de hoje a Corsan pelos buracos na Rua Osvaldo Aranha, altura do Loteamento Popular. E a Prefeitura informou que vai continuar fiscalizando os demais pontos, podendo ocorrer novas notificações.

Os pontos citados nesta primeira notificação foram:

Rua Primeiro de Maio – entre as ruas Pinheiro Machado e Cel. Paulino Teixeira;

Rua Mal. Floriano Peixoto esquina com Rua João Pereira;

Rua Gen. Câmara – entre as ruas São Lourenço e São João;

Rua Esperanto – entre as ruas São João e André Cristiano Ledur;

Rua Egídio Michaelsen – entre as ruas Tiradentes e Cel. Paulino Teixeira;

Rua Egídio Michaelsen esquina com a Rua João Pereira;

Rua Adão Vieira esquina com Rua Miguel Liell.

Buracos do Daer

Buracos voltaram a aparecer na ponte sobre o arroio Coitinho
– Crédito: Prefeitura

Já nesta segunda, dia 14, a Prefeitura do Caí emitiu nova notificação direcionada ao DAER, solicitando o urgente reparo na primeira ponte em direção ao Matiel, sobre Arroio Coitinho. O objetivo é identificar os locais onde a pavimentação encontra-se danificada, mesmo tendo sido feita recentemente a repavimentação no mês de janeiro. Durante a fiscalização foram constatados vários danos onde são necessários reparos.

Foi estabelecido também prazo de 15 dias para que sejam providenciados os devidos reparos, sendo que o não cumprimento acarretará na lavratura de Auto de Infração com lançamento de respectiva multa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here