Reprodução/FN

Em virtude de diversos questionamentos sobre a abertura do comércio e serviços não essenciais, entre eles estéticas, salões de beleza e barbearias, todos suspensos até 15 de abril por decreto do governador do Estado Eduardo Leite, a Administração Municipal de São Sebastião do Caí esclarece que tem de seguir as determinações impostas pelo governo estadual.
Para melhor entendimento do que está determinado pelo Estado, confira abaixo a questão envolvendo as áreas anteriormente citadas:

FUNCIONAMENTO DE ESTÉTICAS, SALÕES DE BELEZA E BARBEARIAS
De acordo com o Decreto Estadual nº 55.154/2020, a prestação de serviços não considerada essencial, pelo art. 17, como é o caso das estéticas, salões de beleza e barbearias, só pode ocorrer nos termos do inciso V do § 2º do art. 5º, ou seja, sem atendimento ao público. Assim, pela natureza dos serviços prestados, que dependem de contato direto com pessoas, a atividade restará inviabilizada de funcionar pelo período determinado no art. 45, inciso I, ou seja, até 15 de abril de 2020.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here