Arlindo Inácio, de 78 anos, ficou 15 dias internado em isolamento - Reprodução/FN

“A pandemia também é capaz de emocionar positivamente”. Assim iniciou a postagem, no facebook do Hospital Sagrada Família, em alusão ao primeiro paciente que teve alta na casa de saúde de São Sebastião do Caí, após 15 dias de internação devido ao coronavírus.

Não faltaram balões, palmas e muita alegria. O paciente Arlindo Inácio, de 78 anos, morador de São Sebastião do Cai, foi aos prantos de felicidade quando soube que iria para casa, nesta semana, curado da doença do coronavírus. Na postagem, a direção do hospital aproveitou para parabenizar e agradecer aos profissionais pela humanidade que têm tratado os pacientes.

Sabrina Janaína ao lado de Arlindo Inácio: “achei que ia perder meu pai. Essa doença não é brincadeira”
– Reprodução/FN

Os momentos de emoção, da alta do paciente, foram mostrados em vídeo. Sabrina Janaina, filha de seu Arltindo, agradeceu e elogiou o atendimento ao pai. “Foi desesperador ver meu pai naquela situação. Achei que ia perder o meu pai e voltar para casa sozinha. Anjos sem asas salvaram meu pai”, agradeceu. “Essa doença não é brincadeira. É muito grave. Se cuidem. Graças a Deus estou levando meu pai para casa. Se protejam. Salvem suas vidas e de seus familiares”, completou, ao lado do pai, ambos bastante emocionados.

💢A pandemia também é capaz de emocionar positivamente.💢É com muita alegria que divulgamos a notícia do nosso primeiro paciente recuperado da Covid-19. O paciente Arlindo Inácio de 78 anos morador de São Sebastião do Cai foi aos prantos de felicidade quando soube que iria para casa, curado da doença do coronavírus. 🙌👨‍⚕️👭👫👬👩‍⚕️🙌Parabéns aos nossos profissionais pela humanidade que têm tratado nossos pacientes. #𝕁𝕦𝕟𝕥𝕠𝕤𝕊𝕠𝕞𝕠𝕤𝕄𝕒𝕚𝕤 #𝕋𝕠𝕕𝕠𝕤ℂ𝕠𝕟𝕥𝕣𝕒𝕍𝕚𝕣𝕦𝕤

Publicado por Hospital Sagrada Familia em Terça-feira, 30 de junho de 2020

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here