Imagem ilustrativa/internet
Os últimos sete dias foram marcados por vários óbitos de moradores de São Sebastião do Caí em decorrência de complicações causadas pelo coronavírus. Os dados foram divulgados pela Secretaria Municipal da Saúde na manhã de hoje, terça-feira, dia 30.
No dia 22 de março ocorreu o óbito de um homem e 58 anos, que tinha comorbidades e estava internado na UTI do hospital de Taquara.
No dia 26, faleceu um senhor de 66 anos, que não tinha comorbidades e estava internado em Montenegro.
Já no dia 28 de março ocorreram dois óbitos, de um homem de 54 anos, que não tinha comorbidades relatadas, e de uma mulher de 48 anos, essa com comorbidades prévias. Ambos estavam internados no Hospital Sagrada Família, do Caí.
E ontem, segunda-feira, ocorreu o falecimento de uma mulher de 58 anos, que tinha comorbidades e também estava internada no Hospital Sagrada Família.
Conforme a Prefeitura, muitas vezes há um certo atraso nas notificações de óbitos causados por Covid, principalmente quando acontecem fora do município onde o paciente residia, pois os hospitais têm até 48 hora para notificar o COE SES-RS (Centro de Operações de Emergências) e essa notificação ao município de origem pode demorar alguns dias, em função de alguns critérios técnicos adotados pelo órgão. Esse foi o caso desses últimos óbitos registrados desde semana passada. Com isso o Caí alcança a triste soma de 35 vidas perdidas desde o início da pandemia.
Mais do que nunca é importante reforçar as medidas de prevenção, como o uso de máscara, higiene, limpeza e distanciamento, para evitar o contágio.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here