O último óbito de paciente diagnosticado com coronavírus em São Sebastião do Caí tinha sido registrado em 2 de setembro do ano passado. Um idoso de 77 anos tinha sido a 61ª morte. Desde então se passaram quase cinco meses sem novos óbitos. Os casos aumentaram, mas sem sintomas graves, a maioria sem ocasionar internação. Nesta semana foi registrado o óbito de um idoso de 72 anos que estaria morando num lar de idosos do Caí, mas como ele tinha Cartão SUS em Tupandi, o caso consta na Secretaria Estadual da Saúde como sendo do outro município.

Infelizmente o boletim da Secretaria Municipal da Saúde do Caí desta sexta-feira, dia 28, aponta mais uma morte de paciente com a Covid-19. Conforme a Prefeitura, o novo óbito, de uma idosa de 94 anos, que estava internada no Hospital Sagrada Família, aconteceu no dia 18 de janeiro, terça-feira da semana passada, mas o resultado de confirmação para a Covid só saiu nesta semana. O Caí agora soma 62 óbitos desde o início da pandemia, além de 4.699 casos confirmados desde o mês de março de 2020, dos quais 4.383 pessoas estão recuperadas, 254 estão em tratamento e 5 em isolamento.

Nesse boletim de hoje são contabilizados 144 novos casos confirmados e mais 24 de reinfecção (contaminados pela segunda ou terceira vez), entre os dias 25 e 27 de janeiro. Um total de 758 pacientes estão recuperados desde o dia 1º de janeiro de 2022 e um acumulado de 108 reinfectados desde 31 de dezembro de 2021. Assim o Caí soma 1013 registros confirmados para a Covid-19 desde o dia 31 de dezembro de 2021.

A situação ainda é de alerta e  é importante manter os cuidados na prevenção, como a obrigatoriedade do uso de máscara, álcool em gel e de manter o distanciamento, além de fazer a vacina.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here