Empresa projeta crescimento gradativo da criação de aves soltas (Crédito: Naturovos/Facebook)

A Naturovos emitiu, na tarde dessa terça-feira, uma nova nota sobre um vídeo divulgado pela ONG Mercy For Animals que critica o sistema de criação de aves da empresa com sede em Salvador do Sul. A avícola confirmou que a produção está passando por uma análise técnica minuciosa, assim como os processos de produção de ovos estão sendo revistos.

“Há claros sinais de montagem e de edição suspeita no vídeo com denúncias e estamos avaliando a possibilidade de solicitar explicações formais aos responsáveis pela circulação do material”, afirma o diretor comercial da Naturovos, Anderson Herbert. Ele acrescenta que há uma forte relação de confiança quanto ao trabalho desenvolvido ao longo dos processos produtivos. “Juntos, todos os dias, nos dedicamos à qualidade de nossos produtos, aos cuidados com as aves e ao compromisso de garantir um alimento seguro e de excelência”, conclui.

O texto reforça que “a Naturovos é uma marca séria e comprometida com a qualidade dos alimentos. São mais de duas mil pessoas envolvidas direta e indiretamente na produção. Por respeito a cada uma delas, toda equipe técnica e lideranças da empresa estão mobilizadas para revisar os processos e esclarecer as denúncias”.


Entenda o caso

Na semana passada, a Naturovos, referência nacional na produção de ovos, com forte mercado também no exterior, foi alvo de denúncias pelo escritório brasileiro da ONG americana Mercy For Animals. Por meio de um vídeo divulgado em redes sociais, a empresa salvadorense foi criticada pela prática de criação de galinhas com o uso de gaiolas – que causaria desconforto e sofrimento aos animais – e manejo inadequado de pesticida, com imagens que teriam sido registradas, supostamente, numa de suas granjas.

O vídeo teve forte repercussão, com críticas pesadas, mas também mensagens de apoio à empresa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here