Crédito: Emater/RS-Ascar

Com o objetivo de nivelar ações e planejar estratégias para a atividade de Turismo Rural, uma reunião foi realizada em Salvador do Sul, no último dia 5. A atividade, coordenada pela extensionista Social da Emater/RS-Ascar Elizangela Teixeira, ocorreu no Pesque e Pague das Pinguelas, da família Fries, e contou com a participação de extensionistas dos municípios que integram o Vale do Caí, além dos gerentes regional e adjunto da Emater/RS-Ascar, Marcelo Brandoli e Carlos Lagemann, e do supervisor Fábio Encarnação.

Cada extensionista realizou um relato a respeito da situação do trabalho com o Turismo Rural em seu município. Após, ocorreram atividades em grupo com a intenção de organizar e estruturar metas de atuação na área, aproximando-se de parceiros e da governança do Turismo.

O nosso objetivo é marcar posição para que possamos ter um papel melhor definido no que diz respeito às ações em turismo rural”, afirma Elizangela.

Durante o ano diversas atividades estão previstas, entre elas a visita a propriedades para que seja feito um diagnóstico da viabilidade turística dessas. Reuniões, encontros, seminários e outras atividades terão a intenção de fortalecer os vínculos entre a extensão rural e os roteiros turísticos já formados, casos das rotas Sabores e Saberes, Fortaleza, Imigrantes e da Fé, Coração e Velhas Colônias.

Anfitrião da tarde, o empreendedor Sadi Frei acredita no potencial do turismo, ainda que a rota da qual está inserida a sua propriedade – a da Linha Stein – esteja momentaneamente desativada. “Já chegamos a receber 400 pessoas por mês aqui, com oferta de cafés coloniais, almoços típicos e participação no pesque e pague”, assinalou.

Deixe seu comentário