Vereador Talis Ferreira diz que foram recebidas denúncias sobre o precário estado dos ônibus que transportam os estudantes em Montenegro - Crédito: ACOM/Câmara

Na sessão da Câmara de vereadores da noite de ontem, quinta-feira, ocorreu uma denúncia grave com relação ao transporte escolar.

Em manifestação na tribuna, o vereador Talis Ferreira (PR) declarou que, caso sejam comprovadas as denúncias, responsáveis deveriam ser presos.

Na Operação Ibiaçá, que apura irregularidades no governo anterior e que resultou no afastamento do ex-prefeito Luiz Américo Alves Aldana, secretários e diretores, um dos principais pontos investigados foi justamente o transporte escolar. Neste ano a Prefeitura determinou que não deveriam ser mais usadas Kombis no transporte dos estudantes das redes municipal e estadual, pago pelo município. Foi exigido ônibus de no mínimo 25 lugares, visando aumentar o número de passageiros por veículo, reduzindo custos.

Conforme o vereador Talis Ferreira, em manifestação na tribuna, ele e o vereador Felipe Menezes (MDB) já estiveram em contato com a secretaria municipal de educação sobre denúncias relativas ao estado precário dos ônibus utilizados no transporte escolar, colocando em risco a segurança das crianças. Lembrou que os veículos teriam que passar por vistoria do Detran. “São ônibus em péssimas condições. Não podem ter passado na vistoria”, disse. Os próprios vereadores prometeram verificar hoje se os ônibus utilizados no transporte escolar são os mesmos que passaram na vistoria.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here