Crime tinha ocorrido em 2 de julho no interior de Montenegro e carvão foi apreendido em Gravataí - Crédito: Polícia Civil

A 1ª Delegacia de Polícia de Montenegro, com apoio da DPPA da mesma cidade e Delegacia de Homicídios de Gravataí, cumpriram mandado de busca e apreensão no Bairro São Geraldo, em Gravataí. No local, conforme o delegado André Roese, foi recuperado cerca de 140 sacos de carvão subtraídos do empresário Alfredo Ernani Hass, o qual foi morto a tiros no último dia 2 de julho no interior de Montenegro.

De acordo com o delegado, além da recuperação para devolução para a família da vítima de pelo menos parte do carvão, que possui a logomarca da empresa, a diligência policial teve como importância contraditar a versão dada pelo suspeito e por sua defesa de que não teria havido a subtração. O empresário, de 57 anos, teria discutido com o acusado, o qual teria ido em sua propriedade, em Linha Catarina, buscar uma carga de carvão, mesmo estando acumulando uma dívida de cerca de 50 mil com o fornecedor.

Após os disparos, o acusado e dois ajudantes fugiram para Gravataí num caminhão carregado de carvão, sendo preso na cidade no mesmo dia.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here