Resultado será divulgado na terça-feira, com o título ficando entre as candidatas do Ceará, Piauí e Sergipe - Crédito: Miss Universo Brasil

A montenegrina Suellyn Boff Scheffer ficou entre as quinze finalistas do Miss Universo Brasil. O concurso, que teve a sua final dentro de um navio, neste domingo, dia 7, reuniu as 27 representantes dos Estados, entre elas Suellyn, de 25 anos, que em 3 de outubro foi escolhida como Miss Rio Grande do Sul.

Suellyn representou muito bem o Rio Grande do Sul
– @lufe_torres

Como não teve transmissão ao vivo, os bastidores e etapas do concurso têm sido acompanhados pelas redes sociais. Após as Top 15, foi a vez da divulgação das dez finalistas e aí não constou o nome da modelo montenegrina. Já no Top cinco ficaram as representantes de São Paulo, Ceará, Amazonas, Sergipe e Piauí.

O título de Miss Universo Brasil de 2021 ficará entre as representantes dos Estados do Ceará, Teresa Santos; do Piauí, Gabriela Lacerda; e de Sergipe, Carol Valença. A gravação da final ocorreu na tarde deste domingo, dia 7, e somente na noite da próxima terça-feira, às 22h, será divulgada quem será a representante do Brasil no Miss Universo em dezembro em Israel. A transmissão da final vai ocorrer pela plataforma de streaming Soul TV, pelo canal UMiss, da internet, além de no Canal do Cliente (500) e canal Like (530) da Claro TV. Não teve transmissão ao vivo devido ao ambiente em alto mar.

Montenegrina ficou no Top 15
– Crédito: Miss Universo Brasil

A final do concurso ocorreu no teatro do transatlântico MSC Preziosa durante um cruzeiro que percorreu os litorais paulista e carioca neste final de semana. Foi a primeira vez que o concurso foi realizado dentro de um navio. A direção do concurso é da Miss Brasil 2015, Marthina Brandt, que é do Vale Real e foi finalista do Miss Universo. Ela assumiu a nova organização no ano passado, com o desafio de um novo formato em tempos de pandemia.

Foram gravadas três coroações com as três finalistas. E até a noite de terça-feira permanece o mistério sobre quem será a nova Miss Brasil, que irá substituir a gaúcha Júlia Gama, a qual foi a segunda colocada no Miss Universo do ano passado. Júlia acabou sendo desconvidada do evento deste ano, onde entregaria a faixa e coroa. Segundo a organização, o motivo teria sido descumprimento de regras previstas em contrato.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here