Suellyn Scheffer venceu o concurso realizado neste fim de semana e vai representar o Estado no Miss Brasil Universo - Reprodução/FN

A montenegrina Suellyn Boff Scheffer é a nova Miss Universo Rio Grande do Sul. A modelo, de 25 anos, foi eleita na noite deste domingo, dia 3.

Suellyn vai representar o Rio Grande do Sul no Miss Brasil Universo que vai ocorrer num navio
– Crédito: Lufe Torres/Divulgação

A final do concurso, realizada em Estrela, seria exibida a partir das 20h pelo cana UMiss, da plataforma SoulTV, e no perfil do concurso no Instagram, mas por problemas técnicos acabou atrasando. Só em torno de 23h a nova Miss Rio Grande do Sul foi revelada é a uma montenegrina.

Em 1º de setembro o Fato Novo entrevistou Suellyn e divulgou que a montenegrina era uma das 14 finalistas do concurso. As finalistas ficaram confinadas em um hotel, onde realizaram desfile de traje de banho, gala e responderam as perguntas dos jurados. Suellyn se classificou para o Top 5 junto com as representantes de Porto Alegre, Camaquã, Santa Maria e Gravataí. Pela experiência nas passarelas como modelo, que lhe trouxeram bom desempenho na passarela, fotografia e desenvoltura, Suellyn já era apontada nas redes sociais como favorita.

Na entrevista ao Fato Novo, a modelo destacou que sua motivação para participar do concurso é poder ganhar mais espaço e representatividade como mulher gaúcha e montenegrina, buscando trazer maior empoderamento e voz a todas, através de discursos e espaços pelos quais terá a oportunidade de passar.

O Miss Brasil terá um novo formato neste ano. As vencedoras de cada Estado, num total de 27, vão entrar em confinamento no dia 2 de novembro, com a nova Miss Brasil Universo sendo anunciada durante um cruzeiro. E entre 12 de outubro e 11 de novembro terá uma votação popular para o top 10.

No ano passado, a gaúcha Júlia Gama foi eleita a Miss Brasil e depois ficou em segundo lugar no Miss Universo. No Vale do Caí, Marthina Brandt, natural do Vale Real, foi eleita a Miss Brasil em 2015 e ficou entre as finalistas do Miss Universo. No ano passado Marthina assumiu como diretora do Miss Brasil que agora traz várias inovações.

Suellyn Boff Scheffer

Montenegrina já tem experiência como modelo e aparecia como favorita nas redes sociais
– Reprodução/FN

A montenegrina foi a única candidata do Vale do Caí no Miss Rio Grande do Sul. Logo recebeu o apoio do prefeito Gustavo Zanatta, que fez uma postagem convocando a torcida dos montenegrinos. “Felizes e orgulhosos, ficamos na torcida pela nossa bela montenegrina. Boa sorte, Suellyn!”, postou, nas redes sociais.

Quando pequena e jovem, Suellyn foi bailarina clássica, participando de eventos e competições de dança. Após seu ensino médio realizou formação técnica em Administração e Contabilidade. Ainda jovem, aos 16 anos se mudou para São Paulo capital e iniciou sua carreira de modelo, tendo feito formação como apresentadora, atriz e locutora, atuando como modelo fotográfica, de passarela e em vídeos comerciais, participando de campanhas de diversas marcas importantes como a Coca-Cola, Samsung, Panvel e outras. Ao longo de sua jornada, além de trabalhar em vários estados, também viveu e atuou no exterior, estando em países de diversos continentes, dentre eles a Argentina, Peru, Turquia, Japão, Itália e México. Também faz trabalho voluntário numa clínica lar de Porto Alegre que atende crianças em vulnerabilidade social. Apaixonada por exercícios físicos, faz pilates, funcional e ioga, que lhe ajudam a manter o corpo e a mente. Com esta vasta bagagem e experiência no ramo da moda e beleza, agora ela ingressa também no universo Miss Brasil.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here