Técnico de futebol José Luiz Soares ficou 13 dias internado: "achei que ia morrer, mas nasci de novo" Crédito: Guilherme Baptista/FN

A tarde foi novamente de emoção para profissionais de saúde, pacientes e familiares junto a Emergência Covid-19 do Hospital Montenegro (HM). Três pacientes, que superaram o coronavírus, tiveram alta sob aplausos, com direito a balões, música e agradecimentos.

O técnico de futebol José Luiz Soares, conhecido como Professor Soares, de 65 anos, ficou 13 dias internado. “Achei que ia morrer. Tinha dor por todo o corpo e 40 graus de febre. Tinha dor até no fio do cabelo. Era horrível. Entrei mal no hospital e graças a equipe do Hospital Montenegro não sinto mais nada. Nasci de novo”, declarou. Alerta que as pessoas devem se cuidar. “Não sei como peguei o vírus. É uma doença traiçoeira, perigosa e muito doída”, completa, agradecendo o apoio de todos e recebendo o abraço dos familiares.

Leci Soares da Silveira é de Capela de Santana e ficou 11 dias na UTI
– Crédito: Guilherme Baptista/FN

Em seguida foi a vez da paciente Leci Doares da Silveira, de 46 anos, moradora do bairro São Lucas, em Capela de Santana. Deficiente visual e auditiva, ela já sofria de diabetes e pressão alta. Segundo a filha, Alice, começou a sentir febre e falta de ar. Ficou 18 dias internada, sendo que entre 3 e 14 de julho estava na UTI. E hoje teve alta, também muito emocionada.

Após foi a vez de Elci Lottermann, de 71 anos. Ela ficou uma semana internada, desde que começou a sentir os sintomas no domingo retrasado. A filha, Claudia, diz que também esteve internada, assim como o marido. Agora todos estão bem.

CONFIRA O VÍDEO:

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here