Ação entre amigos visa concluir espaço para ela produzir e vender doces e salgados Crédito: Guilherme Baptista/FN

A assistente de creche Eli Roseli Rosa, de 37 anos, vai ganhar uma surpresa muito boa no momento que vive o período mais difícil de sua vida. Ela perdeu o pai em 2018 e a mãe no ano passado. No último dia 12 seu filho Marcelo, de apenas 7 anos, foi morto a tiros pelo pai, que depois cometeu suicídio. Eli Roseli ainda está internada, recebendo os cuidados médicos e o apoio dos familiares para tentar se recuperar do estado de choque causado pela perda do filho e do ex-marido.

Antes mesmo da tragédia, Eli Roseli, juntamente com o irmão Martin, mais o apoio da irmã Rosemere, tinha iniciado a construção de um espaço para produzir e vender seus doces e salgados. “Precisamos dar um motivo para ela reagir”, diz Rosemere, que iniciou uma ação entre amigos, a qual logo ganhou o apoio da comunidade. “Ela já tinha idéia de se licenciar da creche para fazer os doces e salgados. É o que ela gosta. Agora vamos finalizar o projeto dela”, completa.

Foram confeccionados 4 mil números, cada um custando 2 reais. Foram doados mais de 30 brindes, que serão os prêmios, desde eletrodomésticos como torradeira, cafeteira, liquidificador, batedeira e perfumaria, até serviços. O sorteio está previsto para o dia 28 de março. E além dos muitos doadores de prêmios, não vão faltar pessoas para vender e comprar a rifa, numa grande mobilização. A meta é arrecadar cerca de R$ 8 mil para concluir a obra que está em andamento na Avenida Cilon Rosa, do bairro Aeroclube, junto da casa dos irmãos. “Quando a Eli Roseli voltar esperamos que já esteja tudo pronto e ela vai ter essa bela surpresa”, projeta Rosemere. “Ela faz doces e salgados com muito amor”, completa Marten, sobre o empreendimento, que deve se chamar “Delícias da Roseli”.

Rosemere agradece ainda o apoio da Prefeitura e da Unimed, através de tratamento médico e psicológico, tanto para Eli Roseli como para a família. Eli Roseli tem mais duas irmãs, Sandra e Adriana, que são cadeirantes e sempre receberam o apoio dela e da família. “Somos cinco irmãos muito unidos e se apoiando”, diz Rosemere.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here