Atropelamento ocorreu no domingo no trecho da localidade de Vendinha - Reprodução/FN

Foi sepultado na tarde de ontem, segunda-feira, dia 13, o idoso que morreu atropelado na BR 386 (Tabaí/Canoas) no dia anterior. Vilson Souza tinha 72 anos e era natural de São Lourenço do Sul, cidade em que foi enterrado. Segundo informações, fazia cerca de dois anos que tinha se mudado para a localidade de Vendinha, que fica na divisa entre Montenegro e Triunfo.

No domingo Vilson estaria justamente numa festa de Santo Antônio, junto à igreja da Vendinha, e na saída, ao tentar atravessar a rodovia, acabou sendo atropelado por um automóvel Corsa Hatch, com placas de Soledade, que transitava no sentido interior/capital. Ele não resistiu aos graves ferimentos e faleceu no local. O motorista do carro, de 45 anos, não teve lesões. Mesmo com frenagem de cerca de 23 metros, conforme marcas levantas pela perícia, não foi possível evitar o choque. Foi feito teste de bafômetro no motorista, que apontou que ele não havia ingerido bebida alcoólica.

Vilson deixa dois filhos, neta, irmãos, demais familiares e amigos. O velório e sepultamento foram na Comunidade Católica Nossa Senhora da Conceição de Boqueirão.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Montenegro registrou o acidente na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA). A Polícia Civil será a responsável por apurar as circunstâncias do fato.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here