Faz quase três meses que foram colocadas placas anunciando as melhorias - Crédito: Guilherme Baptista/FN

Ainda no mês de junho foram colocadas grandes placas anunciando a realização de obras de manutenção do pavimento da RSC 287, entre o cruzamento com a BR 470 (Trevo do Shell) até a entrada para a ERS 411 (Trevo do Frigonal), num trecho de 7 quilômetros. Conforme informações que constam nos dois outdoors, colocados na frente do Parque Centenário e próximo ao Frigonal, a empresa responsável pela obra será a Encopav Engenharia, com investimento de R$ 1,5 milhão e o prazo de execução era de seis meses.

Entretanto, passados quase três meses, até o momento as obras não iniciaram. Segundo informações da assessoria de imprensa da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), responsável pelo trecho desde novembro de 2017, foi necessário fazer uma adequação no projeto. “Agora isso foi concluído e as equipes já estão mobilizando o maquinário para entrar em serviço”, informa.

O asfalto da RSC 287, no perímetro urbano que corta Montenegro, está com muitos buracos e ondulações. O trecho mais crítico fica entra a entrada do bairro Cinco de Maio e o trevo do cruzamento com a RS 124, aumentando o risco de acidentes no local. Em alguns pontos foi feito um serviço de tapa-buracos. A Prefeitura realizou recapeamento e tapa-buracos junto aos trevos dos cruzamentos com a Rua Ramiro Barcelos (Trevo do Ipiranga) e Coronel Antônio Inácio (Trevo da Renauto). O projeto que prevê melhorias na travessia da rodovia, com a construção de rótulas e vias laterais, foi elaborado pela EGR, mas devido a falta de recursos ainda não existe previsão para a execução das obras.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here