Idoso de 63 anos morreu e a casa no bairro Olaria ficou destruída - Crédito: Guilherme Baptista/FN

Foi iniciada uma campanha para arrecadar roupas, calçados, materiais de construção, móveis e demais utensílios para Maria Joaquina Coelho Machado, de 59 anos. No final da tarde de ontem, quarta-feira, ela perdeu o marido e sua casa num incêndio que ocorreu no bairro Olaria, em Montenegro.

Maria Joaquina saia do serviço no bairro Rui Barbosa e quando voltava para casa ouviu as sirenes do caminhão de bombeiros e ambulância. “Eu logo pensei que era na minha casa. Passei no mercado para pagar uma conta e perguntei o que aconteceu. Aí disseram para eu ir para casa que tinha acontecido uma tragédia”, recorda. “Quando cheguei à minha casa não tinha mais nada. Nem ele. Morreu junto com a cachorrinha dele. Ele não quis sair. Os vizinhos tentaram ajudar, mas ele não quis. Estava junto de uma janela. Se eu tivesse junto ele iria sair. Mesmo bebendo, eu carregava ele para não se machucar. Tinha semana que bebia e outras que era uma rica de uma pessoa. Estava doente. Já tinha ameaçado fazer isso (colocar fogo). Fui dormir 5 horas da manhã. Tinha ameaçado”, completa, falando sobre o companheiro com quem teve um relacionamento de vinte anos.

Perícia esteve novamente no local hoje pela manhã
– Crédito: Guilherme Baptista/FN

Em poucos minutos, Maria Joaquina perdeu tudo que conquistou ao longo de vinte anos, incluindo o marido e sua casa. Em lágrimas, diz que pretende recomeçar. “Preciso de tudo. Vou reconstruir. Tava pagando meus móveis, TV, fogão e um empréstimo. Mas vou conseguir”, declara. Agradece quem puder ajudar. Atualmente está parando na casa da vizinha e amiga Rosália Cristina da Silva Flores. Também recebeu ajuda da Assistência Social da Prefeitura, através de algumas roupas. A Secretaria de Habitação também deve auxiliar, limpando o local e fazendo uma coleta de materiais provenientes de doações. Conforme o vereador Talis Ferreira, quem puder pode doar entrando em contato com Aline pelos telefones 994437154 com Rosalia, 3632 5895 ou 995394967 com Aline.

Maria Joaquina (ao centro) recebe a solidariedade dos amigos através de campanha de doações
– Crédito: Guilherme Baptista/FN

Maria Joaquina perdeu tudo. Ficou só com a roupa do corpo. A casa, na Rua Ricardo Carlos Lerch, onde morou por 36 anos, ficou totalmente destruída. O marido, João Carlos Neis, tinha 63 anos. Ele deixou três filhos de um relacionamento anterior. Um filho mora no Caí e duas filhas em Montenegro.

Os bombeiros e vizinhos ainda evitaram que as chamas se propagassem para casas vizinhas. O fogo foi tão violento que as chamas eram vistas de longe. A Brigada Militar isolou o local para a realização da perícia. A Polícia Civil será a responsável pela investigação.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here