José Patrick deve se mudar nos próximos dias para Montenegro - Foto: Pioneiro

O morador do município de Canela, que se entregou à Polícia por estar arrependido de furtar 24 reais, recebeu convite para trabalhar numa fábrica de móveis de Montenegro. Ele deverá se mudar nos próximos dias e pretende iniciar uma nova vida.

José Patrick Pereira de Oliveira, de 25 anos, praticou o furto numa loja de Canela. Arrependido, onze horas depois procurou o presídio e depois foi na Delegacia se entregar. Alegou que estava desempregado e desesperado. E que furtou para comprar comida para ele, a companheira e um irmão adolescente, que estavam passando fome. Pediu desculpas para a funcionária da loja onde roubou e prometeu devolver o dinheiro assim que tiver, pois tinha gastado comprando pão, mortadela e salsichas para a família. O fato de ter se entregado e demonstrado arrependimento surpreendeu os próprios policiais, que não estão acostumados com isso. Sem antecedentes criminais e por ter se apresentado espontaneamente, acabou sendo liberado.

Casado faz cinco anos e sem filhos, diz que está com contas de aluguel, luz e água atrasadas desde o final do ano passado. Isso o levou ao desespero e acabou praticando o furto no último dia 25 de janeiro, do qual se arrependeu. Antes conta que pediu comida em alguns locais, mas não recebeu. Mesmo desarmado, decidiu então furtar, sem usar de violência ou ameaça. Vai responder ao processo em liberdade.

O caso ganhou grande repercussão, inclusive na imprensa nacional. Até mesmo o programa Fantástico, da TV Globo, vai gravar amanhã uma entrevista com José Patrick, que irá ao ar no domingo. Sensibilizado com o desespero do desempregado, um empresário de Montenegro decidiu oferecer trabalho para José Parick. Eles conversaram na manhã de ontem e foi feito convite para ele trabalhar numa fábrica de móveis em Montenegro, inclusive com local para morar sem pagar aluguel. José Patrick aceitou a oferta. Diz que só depende de conseguir dinheiro para as passagens dele e da esposa, de cerca de 40 reais. Ele pretende ir para Montenegro na próxima sexta-feira. Enquanto isso estão na casa de um tio, em Canela. Está bastante contente e diz que já trabalhou em fábrica de móveis. Acredita que com o trabalho poderá mudar de vida e agradece a oportunidade que está recebendo em Montenegro. Espera que a esposa também consiga emprego. O empresário que ofereceu emprego preferiu não divulgar o seu nome e de sua empresa, mas ficou de buscar o novo funcionário assim que ele desembarcar na estação rodoviária de Montenegro.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here