Carga em excesso foi passada para outro caminhão /PRF/Reprodução

No decorrer da última semana, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou mais um trabalho de fiscalização de veículos.

A fiscalização a veículos de carga mais uma vez foi intensificada, com mais de 39 toneladas de excesso de peso flagrados durante as ações. Na última quinta-feira, no quilômetro 424 da BR-386, em Montenegro, a PRF flagrou um motorista transportando mais de 14 toneladas de excesso de peso em um caminhão Scania/R 440 com placas de Canoas.

Conforme os policiais rodoviários, o caminhão estava com 14.210 quilos de excesso de carga.

O excesso de peso é considerado infração de natureza média, sendo punida com multa e apreensão do veículo até o transbordo da carga excedente. Além disso, a cada 200 quilos de peso acima do permitido são acrescidos à multa valores progressivos. Excesso de peso prejudica a pavimentação das rodovias e aumenta o risco de acidentes.

Deixe seu comentário