Foi colocado veneno para eliminar os dois enxames - Guilherme Baptista/FN

Na manhã desta sexta, dia 22, três bombeiros de Montenegro estiveram no local onde abelhas atacaram uma mãe e dois filhos que estudam na Escola Estadual Tanac, colégio que fica bem próximo de onde estava o enxame. Os bombeiros, com a utilização de inseticida, eliminaram as abelhas que estavam causando grande preocupação para a direção da escola, professores, alunos e moradores.

Dois enxames estavam em árvores do bairro Tanac
– Guilherme Baptista/FN

O veneno foi aplicado junto às duas árvores, na margem da Rua Andorinhas, onde se concentravam as abelhas. A Guarda Municipal tinha isolado o local e chegou a fazer contato com um apicultor, que viria da cidade de Paverama hoje de noite para remover o enxame, mas como isso teria um certo custo e a escola não dispõe de recursos, foi solicitada a intervenção dos bombeiros.

 

Sargento e dois soldados dos Bombeiros estiveram no local hoje
– Guilherme Baptista/FN

De acordo com o sargento Angelo, que estava acompanhado de dois soldados dos bombeiros, eram dois enxames grandes. “Foi solicitada a nossa presença para fazer o extermínio porque não tem condições de tirar por apicultor”, explicou. “Agora estamos mais tranqüilos”, disse a vice-diretora Corina. Ela cita que o problema começou na terça-feira. “Mais crianças tiveram que ir ao Hospital Montenegro por causa de picadas”, conta. Corina diz que comprou cinco frascos de veneno e entregou aos bombeiros, temendo pela segurança dos 200 alunos do colégio. “Era um caso de saúde pública. Pode até provocar a morte. Mãe e crianças já foram parar no hospital”, ressalta, preocupada.

Deixe seu comentário