Contrato da Prefeitura com a Unimed não foi renovado e atendimento chegou a ser suspenso ontem - Arquivo/FN

Funcionários da Prefeitura de Montenegro e dependentes foram pegos de surpresa ontem, terça-feira, dia 18, ao serem informados que tinha sido suspenso o plano de saúde dos servidores. A justificativa é de que não tinha sido renovado o contrato da Prefeitura com a Unimed Vale do Caí. Mas ainda na noite de ontem a Prefeitura informou que estava garantido o atendimento de urgência e emergência.

De acordo com a Prefeitura, na noite desta terça-feira, dia 18, num acordo entre a Administração Municipal e a Prestadora de Serviços referente ao Plano de Saúde dos Servidores Municipais, ficou garantido a normalização do atendimento de urgência e emergência aos usuários. As tratativas foram realizadas entre o Prefeito Kadu Müller e o Presidente da Unimed Vale do Caí, doutor Everton Machado Bochi. Nesta quarta-feira devem prosseguir os movimentos para a finalização do contrato, que visa a manutenção dos serviços.

No final da tarde de ontem, terça-feira, a Prefeitura informou que, diante da negativa de assinatura do contrato e suspensão dos atendimentos pela Prestadora de Serviços referente ao Plano de Saúde dos servidores públicos municipais, ajuizou uma ação com pedido de liminar objetivando a sua manutenção. Nesta quarta-feira pela manhã, em coletiva de imprensa no Palácio Rio Branco, o Prefeito Kadu Müller fará seu pronunciamento oficial sanando todos questionamentos referentes ao tema.

Conforme o Sindicato dos Municipários de Montenegro (SIMM), são cerca de 3.500 usuários, entre servidores e dependentes (familiares) que chegaram a ter o plano de saúde suspenso desde ontem.

Posição da Unimed

De acordo com a Unimed, através de sua Assessoria de Imprensa, a Prefeitura de Montenegro encerrou o contrato com a instituição no dia 27/08/2017. Na ocasião, o órgão solicitou a renovação emergencial por mais seis meses, por não ter conseguido realizar a licitação em tempo hábil. Terminado o primeiro contrato emergencial, foi feita uma segunda renovação com o mesmo prazo, sendo que este último encerrou no dia 27/08/2018, com prejuízo substancial nos últimos três meses.

Depois de vários encontros, a Unimed Vale do Caí aceitou a proposta da Prefeitura em reunião no dia 11/09/2018. Neste dia estavam presentes os conselheiros do Fundo de Assistência à Saúde, prefeito e seus secretários e representantes da Unimed Vale do Caí. Conforme a Unimed, até o presente momento, a Prefeitura não redigiu o contrato nos termos acordados.

Diante do exposto, e por necessidade absoluta de proteger aos beneficiários que representa, além de seus funcionários, a Unimed Vale do Caí se viu obrigada a suspender os atendimentos aos servidores da Prefeitura Municipal de Montenegro até que haja novo contrato conforme acordado em reunião de 11/09/2018.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here