Lívia teve complicações decorrentes da Covid-19 Reprodução/FN

Uma menina de apenas 2 anos de idade faleceu ontem, segunda-feira, dia 19, no município de Capela de Santana, no Vale do Caí.

Lívia Dandolini Brum estava internada há quatro meses após ser submetida a uma cirurgia cardíaca. O falecimento da menina está causando grande comoção na comunidade. Lívia, que tinha Síndrome de Down, estava internada no Hospital Conceição, em Porto Alegre, onde teve complicações decorrentes do coronavírus. E conforme familiares, como tinha imunidade muito baixa, acabou não resistindo. Os pais, Douglas Pires Brun, e Osiane, também contraíram a Covid-19.

A despedida da menina foi rápida, na manhã desta terça-feira, no sepultamento ocorrido no Cemitério Municipal de Capela de Santana. Nas redes sociais são muitas as homenagens e postagens lamentando o falecimento da pequena “princesa e guerreira” Lívia.

1 COMENTÁRIO

  1. Uns infectam outros. Assim se propaga esse vírus. NÃO tem mais grupo de risco. Todos estão em perigo. Numa família, uma só pessoa pode ser responsável por infectar a todos. Uma só visita irresponsável pode infectar todos na casa. Uma saidinha “porque eu não aguento mais ficar em casa” pode matar. Sim. É um choque, né?

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here