A festa do Racing foi em casa, com o estádio Adolíbio Seibel totalmente lotado.

Racing foi hexacampeão dos titulares
– Crédito: Ari Junior/Comunidade do Vale FM
Bomsucesso foi o vice-campeão
– Crédito: Ari Junior/Comunidade do Vale FM

A equipe da Vila Schmitz já tinha vencido o jogo de ida, no Arroio das Pedras, por 2 a 1. Com isso jogava com a vantagem do empate. Mesmo assim sabia que não seria fácil. A vitória, no primeiro jogo, veio nos acréscimos. O Racing, time de melhor campanha no campeonato, tinha pela frente uma equipe forte, que foi a segunda melhor na primeira fase. E o Bomsucesso teve mais domínio do jogo na primeira etapa, que acabou sem gols. Jogando pelo regulamento, no segundo tempo o Racing aproveitou os contra-ataques. Primeiro com Kauê, que aos 20 minutos abriu o placar para o time da casa. E aos 32 minutos, de pênalti, Lunkes ampliou a vantagem para o Racing. Mesmo perdendo por 2 a 0 e tendo um jogador expulso, o Bomsucesso ainda tentou descontar, mas o título ficou mesmo com o Racing, que comemorou o seu hexacampeonato. Fazia dez anos que o Racing não conquistava o título principal e neste período foi vice-campeão por três vezes.

Aspirantes

São José foi o campeão dos aspirantes
– Crédito: Ari Junior/Comunidade do Vale FM

Na preliminar dos titulares, o Riograndense tinha a vantagem para conquistar mais um título. O time da Piedade tinha vencido o jogo de ida por 1 a 0. Mas na partida de volta o São José deu o troco e ganhou por 2 a 1 no tempo normal, levando a decisão para os pênaltis. E nas penalidades a equipe de Santa Teresinha garantiu o título ao ganhar por 5 a 4, com muita festa do São José na premiação.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here