Polícia Civil do Vale do Caí realizou segunda prisão ontem em São Leopoldo - Crédito: Polícia Civil

A Polícia Civil prendeu na tarde de ontem, sexta-feira, 1º de julho, mais um dos acusados de envolvimento no homicídio em que um homem apareceu boiando no arroio Forromeco, em Bom Princípio, no dia 24 de maio deste ano. A prisão ocorreu durante operação realizada em São Leopoldo através da Delegacia de Bom Princípio, sob a coordenação do Delegado Marcos Eduardo Pepe.

Os policiais cumpriram um mandado de Prisão Temporária e dois mandados de Busca e Apreensão. Na ocasião, foi preso o suspeito de iniciais H.H.L.Z., de 27 anos, em razão da suspeita de ser um dos autores do crime de roubo que resultou em morte (latrocínio). Participaram da operação 12 policiais civis, das Delegacias de Bom Princípio, São José do Hortêncio, São Sebastião do Caí, Feliz, Vale Real e Delegacia da Mulher de Montenegro, em quatro viaturas.

O primeiro acusado, de 25 anos, já tinha sido preso no último dia 10 de junho, durante buscas nas cidades de Novo Hamburgo e Estância Velha.

Corpo foi localizado em Bom Princípio, perto da divisa com São Vendelino, em 25 de maio, vítima de estrangulamento
– Crédito: BM

A vítima de latrocínio (matar para roubar) foi Ramon Bastos das Neves, de 28 anos. Ele era natural do Espírito Santo, mas por último estaria residindo em São Leopoldo. A causa da morte, conforme a perícia, seria de asfixia por estrangulamento.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here