Padre Rogério Schlindwein alegou estar esgotado - Reprodução/FN

Na missa da manhã deste domingo, dia 28, na igreja Matriz Nossa Senhora da Purificação, transmitida pela Rádio Comunidade do Vale e facebook da Paróquia, os fiéis sentiram a falta do padre Rogério Schlindwein, pároco de Bom Princípio nos últimos sete anos. A missa foi celebrada pelo Bispo da Diocese de Montenegro, Dom Carlos Romulo Gonçalves e Silva, com mais as participações do Bispo emérito, Dom Paulo Antônio de Conto, e os padres Nicolau Schneider e José Augusto Schneider.

No início da missa o Bispo falou dos momentos difíceis vividos em decorrência da pandemia. “A comunidade também está vivendo a dor do pedido do padre Rogério de um afastamento das atividades junto a nossa Paróquia. Na última quarta-feira ele me procurou e não conseguimos, bem como bispos e amigos, a ajudá-lo há dar um tempo. Nosso desejo é que ele nos desse um tempo para a gente poder conversar mais. Conversamos muito, mas ele tomou essa decisão neste momento. Somos muito gratos aos 7 anos que esteve a frente dessa Paróquia. É difícil estar aqui na igreja Matriz sem a presença dele, pois sempre nos acolheu, nos motivando e alegrando”, declarou Dom Carlos, pedindo orações ao padre Rogério, sua família e comunidade.

Bispo Dom Carlos fez o comunicado na missa de hoje de manhã, domingo, na Matriz de Bom Princípio
– Reprodução/FN

Dom Carlos disse que o padre Rogério não encaminhou nenhum documento sobre o seu afastamento. “Ele ganhou um tempo para pensar, rezar e procurar pessoas que o ajudem”, informou. “Nesse momento não cabem comentários, imaginações, conjecturas. O que serve é a nossa oração. E muitas pessoas querem ajudar ao bem do padre Rogério”, completou. O Bispo admitiu que a Paróquia está em choque, assim como toda a comunidade, mas convidou a todos a orar, lembrando que é o período da Quaresma, de se fortalecer, pedindo orações pela Paróquia, pelo padre Rogério e seus familiares.

O Bispo informou que Bom Princípio ainda não tem um novo pároco. “Foi tudo muito rápido. Ficamos sabendo na quarta-feira. Mas a Paróquia não ficará desamparada. Não temos banco de reservas, mas todos os padres estão em campo. Precisamos de um intervalo para ver o quê fazer”, declarou Dom Carlos. Ele anunciou que o padre Nicolau Schneider, vigário geral, atenderá as necessidades da Paróquia, tanto na administração e coordenação. E o pároco da Feliz, padre Fabiano Canal, vai coordenar as necessidades ou providenciar padres, como em sepultamentos e outras atividades. E em seguida iniciou a missa.

A decisão causou grande surpresa não só na comunidade de Bom Princípio, mas em toda a região, especialmente também em Salvador do Sul, sua cidade natal e onde moram familiares. Simpático e muito dinâmico, o padre Rogério foi anunciado como pároco de Bom Princípio em dezembro de 2014, quando tinha 29 anos. Era o padre mais jovem da história de Bom Princípio, considerada uma das cidades mais católicas do Estado. Antes trabalhou por dois anos como vigário paroquial de Montenegro. Na época, admitiu que foi pego de surpresa pelo convite do então bispo da Diocese, Dom Paulo De Conto. Mas disse que gostava de desafios e logo ganhou a simpatia da comunidade bom-principiesne, sendo bastante atuante nestes sete anos.

“Cheguei no limite. Estou esgotado”

A reportagem buscou contato com o padre Rogério. E ele respondeu através de uma mensagem no WhatsApp. “Infelizmente eu cheguei no limite. Estou esgotado. Tentei ser forte mas não consegui mais. Grande abraço”.

Também foi feito contato com o Bispo Dom Carlos. “Por ora estamos concedendo este tempo. Não tem documento. Apenas ele está sem as responsabilidades da paróquia. Precisamos de um tempo para ver como a evolução se dá. Quando isso tiver definido, talvez uns 3 meses, teremos mais informações”, disse Dom Carlos, confirmando que por enquanto o padre Rogério não estará a frente da paróquia.

1 COMENTÁRIO

  1. É melhor pedir afastamento ou renunciar ao celibato, que ser um péssimo padre como tantos que conhecemos ou ouvimos falar, e até no noticiário de todos os dias.
    Os melhores APÓSTOLOS de CRISTO, estão fora da igrejas.
    Parabéns pela atitude, estamos cansados de padres hipócritas!

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here