Corpo foi localizado em Bom Princípio, perto da divisa com São Vendelino, em 25 de maio, vítima de estrangulamento - Crédito: BM

A Polícia Civil conseguiu a identificação do homem encontrado morto ontem pela manhã, quarta-feira, dia 25, no arroio Forromeco, em Bom Princípio. Após exame de perícia ele foi identificado como Ramon Bastos das Neves, de 28 anos. Conforme a Polícia, não tinha antecedentes criminais. Era natural do Espírito Santo, mas atualmente estaria residindo em São Leopoldo. A causa da morte, conforme a perícia, seria de asfixia por estrangulamento, sendo confirmado como caso de homicídio.

O delegado de Bom Princípio, Marcos Eduardo Pepe, acredita que a vítima foi morta em algum outro lugar e o corpo deixado no arroio, o que seria uma desova. A Polícia Civil segue investigando o caso e qualquer informação pode ser passada para o telefone (51) 3634 1234 da Delegacia, mesmo de maneira anônima.

O corpo foi localizado ontem pouco antes das 10 horas da manhã, quando a Brigada Militar foi avisada de que estaria boiando junto da margem do arroio Forromeco, na altura da Rua João Dionisio John, na localidade de Bom Fim Alto, próximo da divisa com São Vendelino e perto da Banca da Alemoa. Estava com calça escura e blusa azul. Segundo a Brigada e a Polícia, a vítima tinha uma cinta ou borracha, tipo câmera de pneu, enrolada no pescoço, além de sinais de lesões na cabeça e num dos braços. A Brigada isolou o local e avisou a Polícia Civil, que acionou a perícia, sendo depois encaminhado para a necropsia no Instituto Médico Legal.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here